scorecardresearch ghost pixel



Auxílio Brasil de agosto está chegando: veja como descobrir se você foi aprovado

Com mais famílias incluídas na lista de pagamento do Auxílio Brasil, tem quem esteja na dúvida se já receberá ou não o benefício ainda neste mês de agosto.



Mais de 2 milhões de famílias foram incluídas no Auxílio Brasil de agosto. Os valores devem começar a ser pagos no próximo dia 9, terça-feira. Dessa forma, mais de 18 milhões de brasileiros vão receber o benefício. As informações foram divulgadas pela Caixa Econômica, instituição responsável pelos pagamentos. Saiba conferir.

Leia mais: Empréstimo Auxílio Brasil: crédito de R$ 3.000 pode virar dívida de R$ 5.000

Com a inclusão de mais famílias no benefício, muitos brasileiros estão em dúvida se já foram ou não aprovados pelo programa. A consulta é feita gratuitamente por meio do aplicativo do Auxílio Brasil ou pelo CAIXA Tem.

Famílias incluídas no Auxílio Brasil

Além de conferir se receberão o benefício, as famílias – quando garantirem que estão incluídas no Auxílio Brasil – conseguem checar também pela internet o valor que será pago neste mês de agosto.



Por meio dos aplicativos oficiais, os brasileiros conferem também as demais datas de pagamento do benefício. Quem passa a receber os valores mensalmente pode sacar o dinheiro, usar a quantia para pagar contas ou fazer compras.

Quem não tem acesso à internet pode fazer a consulta pelo telefone. Basta ligar no 121, o contado do Ministério da Cidadania, mas também ligar para o número 111, que é da central de atendimento da Caixa Econômica.

As famílias incluídas recentemente no Auxílio Brasil são aquelas que se cadastraram no já muito falado Cadastro Único (CadÚnico) e que atendem aos requisitos para fazer parte do programa.

Por meio da Emenda Constitucional 123, foi aprovado o aumento de R$ 200 no valor que é pago mensalmente às famílias. Por essa razão, até dezembro, o benefício se manterá em R$ 600.

Mesmo com a inclusão de mais famílias, ainda há muitos brasileiros que seguem na fila de espera. Segundo o Ministério da Cidadania, a intenção é permitir que mais pessoas possam fazer parte do programa ainda neste ano. Apesar disso, ninguém deu uma previsão de quando mais cidadãos passarão a receber o dinheiro todos os meses.




Voltar ao topo

Deixe um comentário