Microcrédito Progredir do Bolsa Família concede empréstimo de até R$ 15 mil!

Modalidade é destinada à cidadãos em situação de vulnerabilidade e que em outras circunstâncias não teriam acesso a crédito por não possuírem garantias,

Microempreendedores de baixa renda inscritos no Cadastro Único e beneficiários do Bolsa Família poderão ter acesso a crédito em condições especiais para que possam empreender. Isso se deu graças a liberação de R$ 4 bilhões para operações de microcrédito no plano Progredir. Os beneficiários poderão solicitar até R$ 15 mil!

Segundo o Ministério do Desenvolvimento Social, a expectativa é que esses recursos beneficiem cerca de 1,5 milhão de pessoas. Para se ter um parâmetro, até maio, R$ 3,3 bilhões foram liberados e usados por esse público dando início ao próprio negócio e assim gerando renda.

Destinado à cidadãos em situação de vulnerabilidade e que em outras circunstâncias não teriam acesso a crédito por não possuírem garantias, houve a criação de um aval solidário. Contudo, para evitar inadimplência, caso uma pessoa participante da modalidade, não cumpra com suas obrigações, todas as outras cobrem o valor devido. Assim, a inadimplência ficou em 1% das operações.

Origem do dinheiro

A quantia a ser liberada é advinda de uma reserva que as instituições financeiras devem fazer junto ao Banco Central, não envolvendo recursos públicos. Dentre os bancos parceiros do programa, estão Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil, Banco do Nordeste e Banco da Amazônia. Assim, ao invés de ficar parado, o dinheiro é utilizado para gerar riqueza para pessoas em condições de vulnerabilidade.

Como solicitar?

Antes de tudo, é necessário estar inscrito no Cadastro Único e acessar o Portal, se cadastrar e em seguida solicitar.Adiante, será necessário selecionar entre duas opções disponíveis conforme o perfil do solicitante, se já empreendedor ou se pretende ser um empreendedor.

Após concluir a solicitação, os bancos parceiros avaliarão as informações que fornecidas no formulário e verificar a viabilidade de oferecer o microcrédito do Bolsa Família.

Condições: Juros e pagamento

No que se refere as condições, as taxa de juros dependerá do banco que conceder o empréstimo, bem como a sua análise de crédito. É estipulado um prazo de pagamento entre 4 a 24 meses, sendo que o valor mínimo é de R$ 300 e o máximo pode chegar a R$ 15.000, de acordo com a evolução do negócio.

Por vezes, pode ser possível que o empréstimo seja liberado para quem está com restrições no CPF, ainda que geralmente, o microcrédito somente é aprovado quando a restrição for eliminada.

Voltar ao topo

Deixe um comentário