Imposto de Renda 2020: Qual o melhor momento para declarar?

A declaração de Imposto de Renda 2020 começou em 2 de março. Alguns contribuintes têm dúvidas sobre os melhores dias para declarar. Saiba mais!

A declaração do Imposto de Renda 2020 começou na última segunda-feira, 2, e permanecerá até dia 30 de abril. Geralmente, os contribuintes têm dúvidas em relação a qual o melhor dia para declarar. Enquanto alguns argumentam que o melhor é fazer os procedimentos nos primeiros dias, outros recomendam aguardar.

É importante lembrar que, neste ano, a restituição começará mais cedo, no dia 29 de maio. Além disso, uma outra diferença para os anos anteriores, é a quantidade de lotes, que serão apenas cinco. Saiba mais sobre qual o melhor prazo para fazer a sua declaração.

Leia também: Saiba tudo sobre Imposto de Renda 2020 – Veja guia rápido com as principais dúvidas

Quando declarar o Imposto de Renda 2020?

Recomenda-se que a pessoa declare o imposto de renda ainda nos primeiros dias, pois assim, a restituição será no primeiro lote. Além disso, se o indivíduo tiver dívidas ou gastos urgentes, quanto mais breve a liberação da restituição, melhor será para quitar.

Em 2017, a recomendação era diferente. Esse foi o período em que a a taxa básica de juros chegou a dois dígitos. Por isso, quanto mais a pessoa esperasse, melhor, já que o dinheiro renderia bastante. Mas, agora, com a Taxa Selic em 4,25% ao ano, é recomendável que o processo seja feito mais cedo.

Isso acontece por existirem investimentos de baixo risco que conseguem garantir rendimento maior que a taxa básica. Porém, da mesma forma, mesmo para quem não tem direito a restituição, a declaração feita mais cedo pode ser importante para verificar quais documentos faltam e conferir se as informações foram encaminhadas corretamente.

Apesar dessa discussão, é importante que a pessoa declarante tenha conhecimento da taxa cobrada a mais por atraso, que corresponde a 1% ao mês. O valor mínimo é de R$ 165,75.

Leia também: Imposto de Renda 2020: É necessário declarar venda de carro?

Voltar ao topo

Deixe um comentário