Caixa disponibiliza dois tipos de empréstimo sem consulta ao SPC e Serasa

Banco libera empréstimo para negativados, aposentados e pensionistas do INSS. Veja duas modalidades oferecidas pela Caixa Econômica Federal!

Se você está inadimplente e o seu nome se encontra na lista dos órgãos de proteção ao crédito, tais como SPC e Serasa, a Caixa Econômica Federal disponibiliza dois tipos de empréstimo para aliviar o seu aperto financeiro: o empréstimo Penhor da Caixa e o Consignado Caixa.

No cenário de pandemia do novo coronavírus, a crise econômica tem se aflorado e os brasileiros seguem em busca de alternativas que amenizem os impactos econômicos causados por ela. Algumas instituições, principalmente as públicas e de sociedade mista, têm facilitado e oferecido serviços que caibam no bolso dos cidadãos, como é o caso da Caixa.

Entenda a seguir mais sobre as duas modalidades de empréstimo da Caixa sem consulta ao SPC e Serasa!

1. Empréstimo Consignado Caixa

O empréstimo Consignado da Caixa é um serviço oferecido aos aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), além de empregados da iniciativa privada e órgãos conveniados ao banco.

A modalidade possui o pagamento da prestação descontada automaticamente do salário ou benefício do INSS, dispensando a necessidade de análise aos órgãos de proteção ao crédito. E a liquidação dos débitos pode ser antecipada, caso a pessoa queira.

No entanto, a quantia máxima liberada para empréstimo é calculada em cima da receita salarial ou do benefício recebido pelo solicitante. O crédito não pode ser superior ao valor de 30% da renda do cliente.

A contratação do empréstimo consignado da Caixa pode ser feita por meio do contato com a central de atendimento do banco, no número 0800 726 8068. Outra opção para os clientes e aqueles que recebem o benefício do INSS pela Caixa é assinar o serviço pelo Internet Banking ou nos terminais de autoatendimento.

2. Empréstimo Penhor Caixa

Já no caso do empréstimo Penhor da Caixa, o solicitante deve ter algum objeto de valor para penhorar, sendo o exemplos de jóias, relógios, pratarias, pérolas etc. Esses produtos irão passar pela avaliação de um colaborador da Caixa antes da concessão do crédito, para validar se as peças são originais e verificar quanto custa no mercado.

O valor máximo do empréstimo pode ser de até 85% do valor correspondente ao bem entregue. Mas, há algumas exceções, sendo o exemplo de clientes com o bom relacionamento na instituição, que podem conquistar até 130% do preço do objeto.

Quantia mínima para empréstimo

Essa modalidade possui a quantia mínima de R$ 50,00 para empréstimo e o máximo de R$ 100 mil para cada solicitante. O valor é disponibilizado na mesma hora em que o objeto de penhor é entregue ao banco, sem precisar consultar o SPC e Serasa.

Prazo de pagamento 

A pessoa que solicitou o empréstimo poderá escolher o melhor prazo para pagamento do empréstimo, que pode ser no prazo de até 180 dias (30, 60, 90 ou 180). A renovação pode ser requisitada, porém haverá a tarifa de 0,5% sobre o valor do empréstimo calculado a cada 30 dias a mais de prazo.

Vale lembrar que caso o empréstimo não seja pago dentro do prazo determinado, o bem irá para leilão.

Para obter mais informações sobre os serviços da Caixa, acesse o site do banco ou entre em contato pelo número 0800 726 0101.

Leia também: Projeto de Lei libera empréstimo a juro zero para negativados no SPC e Serasa durante pandemia

Voltar ao topo

Deixe um comentário