Caixa oferece condições especiais de crédito e investimento na Semana Brasil

Bancos estão oferecendo vantagens como renegociação de dívidas a juros baixos e melhores condições de crédito e investimentos.

A Semana Brasil começou nesta quinta-feira,3, e se estende até 13 de setembro com a participação de 16 bancos. As instituições estão oferecendo vantagens como renegociação de dívidas a juros baixos e melhores condições de crédito e investimentos.

A Caixa Econômica Federal é um dos parceiros do evento, as condições abertas pela financeira durante são as seguintes:

CDC linha de crédito pessoal: para os clientes que contrataram o tipo de crédito pessoal sem garantias e sem destinação de uso, as taxas variam de 1,99% a 2,79% ao mês, dependendo da análise de crédito e do relacionamento do cliente;

Crédito consignado: o banco que já apresenta as melhores taxas do mercado em relação ao produto, abriu condições ainda melhores em todos os convênios, o cliente pode contratar, renovar, ou trocar de empréstimo consignado pela opção do banco;

Contratação do Consórcio Imobiliário e de Automóvel: a Caixa oferece desconto de 20% na taxa de administração;

 Seguros Residencial e Multirrisco Empresarial: para os clientes que durante o período da Semana Brasil, o desconto será de 10% no prêmio líquido. As empresas cujos sócios assinem isoladamente podem contratar Seguro Empresarial pelo Whatsapp 0800 726 0104;

Seguro de Vida na modalidade de pagamento mensal: os clientes poderão utilizar 40% do valor da parcela contratada (mínimo de R$ 10,00 e máximo de R$ 50,00) para compra de produtos.

Fundos de investimento: contam com taxa de administração de 0,15% a 2,00%, aplicação mínima pode ser de até R$ 5 mil e descontos de 40%.

Para ter acesso ao benefício, o cliente deve  acessar o site bonuz.com, fazer cadastro e resgatar a recompensa. Todas as informações e condições da Semana Brasil oferecidas pela Caixa devem consultadas na página caixa.gov.br/semanabrasil.

Sobre a Semana Brasil

A Semana Brasil já está em sua segunda edição, o evento tem o objetivo de unir a iniciativa privada ao setor público para promover o crescimento da atividade econômica, movimentar o comércio e estimular o turismo interno do país. A Secretaria de Comunicação da Presidência da República (SECOM) e o Instituto para o Desenvolvimento de Mercado são responsáveis por sua realização.

Veja também: Caixa e BB vão liberar mais 10 lotes de até R$ 1.045 do PIS/Pasep; Saiba quando receber

Veja mais sobre

Voltar ao topo

Deixe um comentário