scorecardresearch ghost pixel



9 dicas para evitar cair em golpes nas compras de Natal

Atitudes simples podem prevenir uma série de golpes aplicados durante o final do ano. Criminosos se aproveitam da época para fazer vítimas.



A digitalização dos bancos é um fenômeno atual que impacta diretamente nas relações comerciais. São diversas possibilidades de compras pela internet ou em lojas físicas por meios digitais. Porém, com tantas possibilidades, é grande o número de reclamações e denúncias de golpes.

Veja também: Método de login na conta do Google vai mudar para todos os usuários

Dessa forma, é sempre bom ficar atento e atenta para não acabar levando prejuízo. Vale a pena se prevenir contra golpes na época de compras para o final de ano.



Fujas dos golpes no final do ano

A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) fez um alerta para os consumidores. A entidade reforça para que a atenção seja redobrada neste momento. São diversas modalidades de golpes a serem aplicadas pela internet em presencialmente. A maioria se constitui em promoções falsas, mensagens e abordagens duvidosas e enganosas.

“É preciso estar sempre atento, mas em épocas como o Natal, em que o volume de compras é muito maior, o cuidado tem que ser redobrado”, alertou a Febraban.



Dicas para não cair em golpes nas compras de Natal

1 – Pesquise antes de comprar

A primeira coisa a se fazer é saber se a loja virtual, no caso, é de fato um comércio real. Entre no site Reclame Aqui e veja qual é a avaliação da empresa. Busque pelo CNPJ e outras informações.

2 – Prefira marcas conhecidas

Comprar em lojas e sites conhecidos oferece mais segurança e geralmente conta com garantir.

3 – Fuja dos “milagres”

É comum receber ofertas “milagrosas” com ofertas de produtos. Produtos caríssimos a preço de banana. Um smartphone novinho de última geração por apenas R$ 99,90. De modo curto, entenda: isso não existe. Não caia em promessas muito mirabolantes e tentadoras, provavelmente são golpes.



4 – Não clique em links

Se receber um SMS estranho ou uma mensagem no WhatsApp com ofertas irresistíveis, fuja. Preste atenção na URL do link enviado. Não informe seus dados para qualquer um e nunca faça depósitos para pagar algo.

5 – Cheque os dados

Na hora de pagar um boleto ou Pix, confira todos os dados da empresa ou do recebedor. Veja se condiz com a realidade. Se não estiver de acordo, cancele.

6 – Pague na loja

Sempre faça o Pix dentro do ambiente da loja virtual. Em lojas físicas também, pague com o produto em mãos.



7 – Cuidado com os dados

Não forneça o código de segurança (CVV) do seu cartão para ninguém. Evite fornecer dados desnecessários ou sigilosos.

8 – Seja responsável

Passe você mesmo o cartão nas maquininhas das lojas, não deixe o dinheiro ou cartão com outros.

9 – Confira o valor

Sempre confirme o valor da compra e veja se está correto. Por fim, guarde os comprovantes.




Voltar ao topo

Deixe um comentário