scorecardresearch ghost pixel



Bolsa Trabalho: Liberado auxílio de R$ 540 para desempregados

Objetivo da ação é gerar qualificação, ocupação e renda para a população mais vulnerável. Saiba como participar.



Desempregados terão uma nova oportunidade de recolocação no mercado por meio do programa Bolsa Trabalho, iniciativa do Governo do Estado de São Paulo. Além da qualificação profissional, os beneficiados com a medida receberão uma ajuda mensal no valor de R$ 540.

Leia mais: Caixa libera mais uma parcela do auxílio de R$ 400 nesta segunda

Poderão participar os moradores do estado de SP que estão desempregados, com mais de 18 anos de idade e e renda familiar per capita de até R$ 550. Mulheres terão prioridade. O objetivo da ação é gerar qualificação, ocupação e renda para a população mais vulnerável.



“O Bolsa Trabalho é uma real oportunidade de emprego, são R$ 540 por mês, por um período de cinco meses, para atendimento a essa população vulnerável aqui no estado de São Paulo. A prioridade é para as mulheres”, declarou Doria, em nota.

Cursos de qualificação profissional

O programa Bolsa Trabalho vai oferecer um curso de qualificação profissional e de apoio à empregabilidade. Os atendimentos serão realizados nos Postos de Atendimento ao Trabalhador.

No geral, os inscritos poderão escolher entre seis opções de cursos profissionalizantes virtuais, oferecidos pela Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp), cada qual com duração de 80 horas:

  • Gestão de Pessoas;
  • Organização de Eventos;
  • Rotinas e Serviços Administrativos;
  • Secretariado e Recepção;
  • Auxiliar de Controle de Produção e Estoque;
  • Gestão Administrativa.


Como participar do Bolsa Trabalhador de R$ 540

As inscrições para participar do Bolsa Trabalhador podem ser feitas no portal do Bolsa do Povo, entre os dias 25 de janeiro e 7 de fevereiro.

A convocação acontecerá mediante publicação no Diário Oficial do Estado. Em relação à carga horária, ela será de quatro horas diárias, cinco dias por semana. Já o benefício poderá ser creditado por cinco meses consecutivos.




Voltar ao topo

Deixe um comentário