scorecardresearch ghost pixel



Veja como solicitar o abono PIS/Pasep ‘esquecido’ de 2019

Trabalhador que atuou com carteira assinada naquele ano e não resgatou o benefício tem uma nova oportunidade.



O abono salarial PIS/Pasep com ano-base 2019 está disponível para milhares de trabalhadores que não sacaram o benefício em 2020. A nova oportunidade vai beneficiar cerca de 320 mil cidadãos que atuaram com carteira assinada naquele período.

Leia mais: Novas regras do Casa Verde e Amarela entram em vigor; Veja o que mudou

Quem deixou de resgatar o benefício deve enviar um pedido de reemissão de crédito para o Ministério do Trabalho e Previdência. O prazo teve início no dia 31 de março.



 

Para ter direito ao abono, é necessário cumprir os seguintes requisitos:

  • Ter cadastro ativo no PIS/Pasep há, no mínimo, 5 anos em 2019;
  • Ter recebido uma remuneração média mensal de até dois salários mínimos em 2019;
  • Tenha para pessoa jurídica por pelo menos 30 dias, consecutivos ou não, em 2019;
  • Estar com os dados atualizados pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) ou eSocial.

Com solicitar o abono de 2019?

Se você atende todas as exigências mencionadas, faça uma consulta no aplicativo Carteira de Trabalho Digital para conferir o saldo do benefício. Em seguida, é só solicitar a reemissão do abono por meio de um dos canais abaixo:

  • Unidades regionais do Ministério do Trabalho e Previdência;
  • Central de atendimento Alô Trabalhador, no telefone 158.
  • E-mail para o endereço [email protected], substituindo as letras “uf” pela sigla do estado onde reside.

Caso o pedido seja aprovada, o trabalhador terá até o dia 29 de dezembro de 2022 para realizar o saque. Passado esse prazo, não restará outra alternativa a não ser aguardar uma nova liberação dos recursos.




Voltar ao topo

Deixe um comentário