scorecardresearch ghost pixel



426 mil famílias vão receber vale gás de R$ 110 em junho; consulte se está entre elas

Veja quais as novas regras para receber o vale gás, bem como se você será contemplado.



Todos que precisam se responsabilizar pelos gastos da casa sabem muito bem que um dos itens mais caros e praticamente obrigatórios de se ter  é o gás de cozinha. O valor desse elemento tão essencial vem aumentando a cada ano, o que está criando um grande rombo nas economias das famílias brasileiras.

Veja também: 6 regras sobre o vale-alimentação e refeição que os trabalhadores devem conhecer

Sabendo disso, o governo tem buscado medidas para combater os problemas que já está causando. Ao perceber que não conseguem diminuir o valor do produto, foi decidido que um investimento em um auxílio para ajudar as famílias mais necessitadas financeiramente seria feito. Tudo isso para que elas não fiquem sem acesso ao gás.

E assim foi criado o vale gás, um benefício pago para pessoas de baixa renda. Recentemente o governo de São Paulo fez um ajuste no valor dele, então agora está valendo R$ 110, R$ 10 a menos do que valia antes.



E segundo os dados divulgados, esse valor vai chegar a cerca de 426 mil famílias que residem no estado. Todas, como já havia sido dito, são de baixa renda.

Apesar de ser um benefício relativamente novo, ele faz parte de um projeto que já existe desde 2012 e era chamado de Programa Bolsa do Povo, criado em parceria com o Plano de Segurança Alimentar.

Segundo o atual governador do estado, Rodrigo Garcia, o objetivo é seguir aumentando os programas sociais, mas seguindo os limites da lei e sempre buscando ajudar aqueles que mais precisam.

O governo ainda deixou claro que todo aumento no valor do vale tem o intuito de tentar acompanhar a subida no preço do gás, que é sempre baseando na Agência Nacional de Petróleo, a ANP.

O auxílio em questão é pago sempre de maneira bimensal e com 3 parcelas. Isso significa que quem tem direito ao valor recebe R$ 330 no total, sendo R$ 110 a cada dois meses.



Tem direito ao auxílio quem:

  • Reside em favelas e comunidades do estado de São Paulo;
  • Não recebe o Auxilio Brasil;
  • Tem uma renda mensal de até R$ 178 por pessoa;
  • Está devidamente inscrito no CadÚnico;

Quem quiser saber se está apto a receber esse benefício também pode acessar o site do gás ou o do Bolsa do Povo, mas também consegue entrar em contato com o atendimento deles pelo 0800 797 9800.

De toda forma, ainda existe a opção de ir até o CRAS de sua cidade e tirar as suas dúvidas. Se não for possível, entre em em contato pelo WhatsApp do Bolsa do povo: (11) 98714-2645.




Voltar ao topo

Deixe um comentário