scorecardresearch ghost pixel



Privatização da Petrobras aguarda apenas o aval de Bolsonaro

Governo também criticou os reajustes nos combustíveis e disse estar empenhado em aprovar uma CPI para investigar a empresa.



Está prestes a ser enviado ao Congresso Nacional um projeto de privatização da Petrobras, elaborado pelo ministro de Minas e Energia, Adolfo Sachsida. No entanto, segundo noticiado pelo colunista Lauro Jardim, de O Globo, o início dos tramites aguarda apenas o aval do presidente Jair Bolsonaro (PL).

Leia mais: Petrobras anuncia mais aumento no diesel e na gasolina

Informações preliminares apontam para a venda da estatal nos mesmo moldes de capitalização da Eletrobras. Na percepção do governo, a privatização da empresa torna-se cada vez mais necessária após o recente anúncio de reajuste para a gasolina e o diesel.

Bolsonaro critica aumento dos combustíveis

Na última sexta-feira, um novo reajuste nos preços dos combustíveis foi confirmado pela Petrobras. Com ele, a gasolina nas refinarias passou de R$ 3,86 para R$ 4,06 o litro, enquanto o diesel subiu de R$ 4,91 para R$ 5,61. Os reajustes são equivalentes a R$ 5,18% e 14,26%, respectivamente.



O presidente Bolsonaro, durante um culto em Manaus no sábado, 18, criticou as mudanças nos valores e disse estar empenhado em aprovar uma CPI para investigar a empresa e seus sucessivos aumentos.

“Todo mundo aqui tá sentindo o peso da inflação. Combustíveis, já estão sabendo da guerra que estamos ‘traçando’. Conversei ontem com o líder do governo e com o presidente da Câmara para a gente abrir uma CPI segunda-feira (20), vamos pra dentro da Petrobras”, disse o mandatário.

Vale destacar que as ações da Petrobras caíram 6% na Bolsa de Valores na última sexta-feira, com uma perda estimada em R$ 2 bilhões no valor de mercado. A reação política causou espanto entre os investidores após setores da sociedade se mostrarem empenhados na cobrança pelo fim da Preço em Paridade de Importação (PPI), uma das principais causas dos aumentos.




Voltar ao topo

Deixe um comentário