scorecardresearch ghost pixel



Novo RG: veja se documento começa a valer no seu estado em agosto

Um novo documento gratuito está chegando para substituir o antigo RG! Já sabe como solicitá-lo? Até agora apenas alguns estados poderão emitir essa atualização. Fique por dentro dos anúncios sobre a Carteira De Identidade Nacional.



A boa notícia para aqueles que estavam aguardando ansiosamente a grande mudança no RG – que foram anunciados pelo Governo Federal há algum tempo – é que a partir de 4 de agosto as primeiras mudanças no documento vão passar a valer em vários estados do país. A decisão já havia sido publicada no Diário Oficial da União.

Veja também: Nova carteira de identidade chega NESTES estados já na próxima semana

Para quem não sabe, a Carteira de Identidade passou por algumas alterações com a intenção de unificar a emissão dos documentos. Antigamente cada estado tinha o seu próprio tipo de código. Sendo assim, se você é de um estado e tirou o seu RG lá, mas o perdeu e resolveu pegar uma nova via em outro estado, o número seria diferente.

Nem é preciso dizer que isso causava sempre muita confusão. Com a mudança, as pessoas vão passar a ter um número único que será válido em todo o país. No geral, podemos afirmar que muita coisa está diferente, passando pelo fato de que o número do CPF agora estará incluído no documento até o fato de que ele pode ter a sua autenticidade checada por meio da leitura de QR Code. Isso irá simplificar muitos processos.



O novo RG vai passar a se chamar Carteira De Identidade Nacional (CIN). Ele já entrou em vigor em 27 de junho, porém de forma limitada, pois se tratava do início de uma fase de testes.

No início de agosto, mais estados vão estar liberados para emitir o novo documento. Embora ainda não sejam todos, o governo já afirmou que essa “permissão” será dada aos poucos, pois a intenção é de que toda a transição para o novo documento seja natural.

Confira quais são os estados que poderão emitir a nova identidade a partir do mês que vem:

  • Acre;
  • Goiás;
  • Paraná;
  • Minas Gerais;
  • Distrito Federal;
  • Pernambuco;
  • Rio Grande do Sul;
  • Santa Catarina.



A previsão é que todos tenham, no máximo, até março de 2023 para começar a disponibilizar esse documento. E vale lembrar ainda que o antigo tem validade até 2032, então não há pressa alguma para o pedido da atualização. Ficou animado? Vai solicitar a sua CIN? Confira então quais informações estarão impressas no novo documento.

  • Identificação do órgão expedidor;
  • Identificação do ente federativo que a expediu;
  • Armas da República Federativa do Brasil com a inscrição “República Federativa do Brasil” e a inscrição “Governo Federal”;
  • Nome, filiação, sexo, nacionalidade, local e data de nascimento do titular;
  • Foto 3x4cm;
  • Número de registro geral nacional;
  • Assinatura e impressão digital do polegar direito do titular;
  • Expressão “Válida em todo território nacional”;
  • Número único da matrícula de nascimento ou de casamento;
  • Data de validade, local e data de expedição do documento;
  • Código de barras bidimensional no padrão QR code;
  • Assinatura do dirigente do órgão expedidor;
  • Zona de leitura mecânica, de acordo com o padrão da OACI.




Voltar ao topo

Deixe um comentário