Receita Federal publica edital com vagas para Alfândega

Processo seletivo da Receita Federal abre vagas para peritos em diversas áreas de atuação. Posto exige ensino superior completo.

A Alfândega da Receita Federal do Brasil de Corumbá, Mato Grosso do Sul, divulgou novo edital de processo seletivo. O certame está sendo realizado sob as normativas do edital nº 01/2019 e visa o credenciamento, em caráter precário e sem vínculo empregatício, de 17 peritos. Estes vão prestar serviços nas áreas de atuação abaixo:

  • Engenharia (diversas áreas);
  • Agronomia;
  • Química;
  • Eletrônica;
  • Mecânica;
  • Minas.

Os profissionais selecionados vão atuar em caráter temporário, pelo prazo inicial de dois anos. O contrato poderá ser renovado uma vez, por mais dois anos.

Inscrições

Interessados em participar do processo seletivo da Receita Federal poderão se inscrever em breve. As candidaturas serão recebidas de 6 e 17 de maio de 2019, das 13h30 às 17h30. Os candidatos devem se dirigir ao Gabinete da Alfândega da Receita Federal do Brasil em Corumbá – MS, situado na Rua Cuiabá nº 581, Centro, Corumbá – MS.

Não será cobrada taxa de participação.

No ato de inscrição será necessário apresentar os seguinte documentos:

  • Requerimento de inscrição, disponível no anexo do edital;
  • Documento de identidade oficial com foto;
  • Currículo com a documentação comprobatória;
  • Comprovante de inscrição no órgão regulador da profissão;
  • Comprovante de quitação com as contribuições previdenciárias, ISS e contribuições para o exercício da sua profissão;
  • Declaração de que não possuir vínculo com a RFB;
  • Termo de adesão preenchido, disponível no anexo do edital;
  • Declaração de efeito positivo ou negativo, da condição de agente público do concorrente.

Etapas de avaliação

O presente processo seletivo será realizado por meio de análise curricular. Durante a realização da etapa serão analisados os seguintes itens:

  1. Tempo de atuação como perito credenciado pela unidade local;
  2. Tempo de experiência como empregado ou autônomo na área específica;
  3. Conclusão de curso diretamente relacionado à área de atuação: a.1) curso de pós-graduação lato sensu, na área específica; a.2) curso de pós-graduação stricto sensu, na área específica e b) curso de especialização na área específica com carga horária superior a 60 horas-aula.

A validade do credenciamento de peritos será de até dois anos. Será admitira prorrogação única, por mais dois anos.

Veja todos os detalhes sobre a seleção por meio do Edital processo seletivo perito Receita Federal 2019.

Voltar ao topo

Deixe um comentário