Cartão Caixa para negativados continua sendo ofertado; Confira vantagens!

O Cartão Caixa Simples é voltado para aposentados e pensionistas do INSS. Confira agora as principais vantagens e como solicitar.

O Cartão Caixa Simples é uma novidade oferecida pela parceria entre a Caixa Econômica Federal e a Elo. Com esse cartão, o aposentado ou pensionista do INSS (com menos de 75 anos) pode desfrutar dos mesmos benefícios oferecidos por um cartão de crédito convencional.

Além disso, a novidade oferece diversas vantagens, como a anuidade zero, taxa de juros mais baixas, não realiza consultas em órgãos de proteção ao crédito, como SPC e Serasa, além de disponibilizar serviços de reparos caseiros, através do Check-up Lar.

O cartão também permite que 95% do limite de crédito vire dinheiro na conta. Para isso, é necessário que o cliente solicite durante a contratação. Mas, sobre esse valor, será cobrada uma taxa de juros rotativos, mais IOF. Isso só será pago durante a quitação da fatura.

Cartão Caixa Simples: Vantagens

O Cartão Caixa Simples oferece diversas vantagens aos seus clientes. Confira abaixo:

  • Não realiza consultas ao SPC/Serasa;
  • Baixas taxas de juros (3x menor que o convencional);
  • Anuidade zero;
  • Produtos e serviços com desconto, através do Clube Elo Mania Caixa;
  • Serviços de reparos domésticos, através do Check-up Lar.

Como dito anteriormente, o Cartão Caixa Simples não cobra anuidade. Apesar disso, para a emissão do cartão, é necessário que o aposentado ou pensionista do INSS pague o valor de R$ 15,00. Essa taxa pode ser parcelada em até 3x na fatura.

Cartão Caixa Simples: Como solicitar?

Para solicitar o Cartão Caixa Simples, é necessário que o aposentado ou pensionista do INSS se dirija a qualquer agência Caixa do Brasil com os seguintes documentos em mãos: RG, CPF, comprovante de residência e extrato do benefício.

Cartão Caixa Simples: Como pagar a fatura?

Existem três formas de pagamento da fatura. A primeira, é caso o cliente queira apenas pagar o valor mínimo da fatura. Geralmente, essa quantia já é descontada diretamente do benefício, mas caso a ação não tenha sido realizada automaticamente, o usuário pode efetuar o pagamento do valor que consta em Pagamento Mínimo. 

A segunda, referente ao cliente que deseja pagar o valor total de sua fatura, é bem simples. Basta o cliente subtrair o valor total da fatura com a quantia descontada automaticamente do valor mínimo e realizar o pagamento. Esse valor geralmente consta em Total da fatura.

A última é voltada para os usuários do cartão que desejam pagar o valor entre o mínimo e o total de seus gastos. Nesse caso, o saldo que sobrou será adicionado para a próxima fatura. Dessa forma, serão adicionados juros para a próxima fatura.

Caso os valores gastos forem menores que o da margem reservada, apenas o que foi utilizado pelo usuário vai ser descontado, sem taxas ou pagamentos adicionais. É importante lembrar que só haverá descontos quando o cartão for utilizado ou pela tarifa de emissão.

Leia também: Isento de consulta ao SPC e Serasa, conheça o cartão do Banco do Inter

Veja mais sobre

Voltar ao topo

Deixe um comentário