scorecardresearch ghost pixel



Auxílio emergencial paga novo lote para quem contestou bloqueio

Pagamentos marcados para o dia 3 de dezembro devem contemplar mais de 11 mil brasileiros que não receberam na data certa.



O auxílio emergencial chegou ao fim em outubro, mas um grupo de beneficiários terá acesso a um novo lote de pagamentos neste mês. São mais de 11 mil brasileiros que tiveram a última parcela negada e contestaram a decisão de forma administrativa ou judicial.

Leia mais: Aposentadoria fica mais fácil em 2022 com lançamento do PPP digital

De acordo com o Ministério da Cidadania, foram mais de 20 mil contestações de cidadãos que se inscreveram pelo site ou aplicativo, ou que fazem parte do Cadastro Único (CadÚnico). Desse total, 11.279 pessoas conseguiram provar que tinham direito ao dinheiro.



Essa nova liberação custará mais de R$ 15 milhões aos cofres públicos. Todos os aprovados receberão as parcelas retroativas no dia 3 de dezembro.

Ainda segundo a pasta da Cidadania, não há mais pedidos em análise. Para consultar se a situação da sua solicitação, acesse o site do auxílio emergencial.




Veja mais sobre

Voltar ao topo

Deixe um comentário