scorecardresearch ghost pixel



Como fazer PIX: passo a passo para cadastrar uma chave, fazer uma transferência e mais

Saiba como começar a fazer PIX de uma forma fácil.



Ao contrário do que muitos pensam, para fazer um PIX não é preciso baixar um aplicativo específico para realizá-lo. A transação pode te trazer muita comodidade, principalmente pelo fato de permitir transferências 24 horas por dia e em qualquer dia da semana, incluindo sábados, domingos e feriados.

Veja também: O que é Pix Copia e Cola? Confira vantagens e como usar

O PIX estreou em novembro de 2020, e atualmente é o meio mais utilizado para fazer transferências pelos brasileiros, segundo informações do Banco Central.

Além disso, as transações são feitas de forma instantânea e gratuitas. Caso você ainda não use essa ferramenta e queira saber mais como funciona e como fazer PIX, vamos te ensinar, mas saiba que é tudo bem simples e rápido.



Como fazer Pix: passo a passo para criar e começar o usar um PIX

Vale lembrar que o PIX não é um aplicativo, muito menos um produto específico de alguma instituição financeira. O PIX nada mais é do que uma maneira de fazer transferência, assim como TED e DOC. Essa modalidade foi lançada pelo Banco Central para agilizar os processos de transferências, facilitando a vida financeira dos brasileiros.

Caso você não seja cliente de uma instituição que ofereça o PIX, você deve primeiramente criar uma conta em alguma que ofereça esse serviço. Veja abaixo o passo a passo.

1° passo – Crie uma conta em uma instituição participante do PIX

Para que você tenha acesso ao PIX, você precisa ter uma conta em alguma instituição financeira que faça esse tipo de modalidade. Feita a conta, você não precisa fazer um cadastro, ele vai aparecer automaticamente no seu aplicativo ou internet banking, como uma opção de transferência, assim como o TED e DOC e boletos.



2° passo – Para facilitar, cadastre uma chave PIX

A chave PIX é a identificação da conta que receberá a transferência, que pode ser cadastrada por CNPJ, CPF, número de celular, e-mail ou chave aleatória. Assim, em vez de usar todos os seus dados para fazer uma transferência, você só vai usar a chave PIX, ficando mais fácil e prática a realização da transação.

3° passo – Entenda tudo o que dá para fazer com PIX

Embora o PIX seja conhecido como mais uma ferramenta de transações, assim como o TED e DOC, é possível usar essa modalidade para fazer diversas coisas, como realizar transferências para outras pessoas e estabelecimentos usando chaves, fazer compras presenciais usando o QR Code, pagar online com o PIX Copia e Cola ou com QR Code, recarregar o celular e até pagar a conta de luz.




Veja mais sobre

Voltar ao topo

Deixe um comentário