scorecardresearch ghost pixel



Como reativar o cadastro suspenso na revisão do Auxílio Brasil?

O cadastro das famílias pode ser suspenso durante a revisão do Auxílio Brasil. Confira como evitar que isso acontece e como recuperar o benefício.



A falta de atualização do Cadastro Único (CadÚnico) é o principal motivo de suspensão do pagamento do Auxílio Brasil. É bom conferir como está o seu cadastro, porque o Ministério da Cidadania prevê mais uma revisão nos benefícios pagos. Com isso, muita gente pode ter o cadastro suspenso.

Leia mais: Veja como é fácil pedir o cartão de crédito PicPay

A revisão do Auxílio Brasil é uma prática do Ministério da Cidadania. É dessa forma que o governo federal confere as famílias que realmente precisam do dinheiro todos os meses. Nesse processo, novas pessoas são incluídas e outras excluídas do programa.

Revisão do Auxílio Brasil

Antes de explicar como você pode reativar o benefício suspenso é importante saber como evitar que isso acontece. Por isso, além de todos os dados atualizados no CadÚnico, a família precisa manter a renda compatível com o programa.



De acordo com o Ministério da Cidadania, o direito ao Auxílio Brasil é garantido às pessoas que vivem em situação de pobreza e extrema pobreza. A renda por pessoa da casa não pode passar de R$ 210.

Além disso, o programa também exige a frequência escolar das crianças e adolescentes da casa. Além do acompanhamento médico das mulheres gestantes.

Se algum ponto fugir da regra do programa, o Auxílio Brasil pode ser suspenso durante a revisão feita pelo Ministério da Cidadania. Caso isso aconteça, o primeiro passo é acessar os dados fornecidos por meio do CadÚnico.

Assim, a família precisa atualizar as informações e conferir onde pode estar o erro. Para consultar o cadastro é só acessar o aplicativo do Auxílio Brasil.



A família indica o CPF do titular do benefício e a senha. Depois vá na opção de consulta dos valores. Se não existir a previsão de pagamento no mês em questão você deve entrar em contato com o Ministério da Cidadania e corrigir a suspensão do benefício.

A nova rodada de pagamento deste mês tem início no dia 18 de maio, para as famílias com NIS final 1. E segue até o dia 31, para quem tem final 0.




Voltar ao topo

Deixe um comentário