scorecardresearch ghost pixel



Auxílio Brasil e vale-gás podem pagar até R$ 720; entenda a mudança

Soma dos benefícios sociais do governo federal pode ultrapassar os R$ 700 nos próximos meses. Conheça a proposta.



Beneficiários do Auxílio Brasil que também foram aprovados para o vale-gás nacional podem receber R$ 720 ou até mais nos próximos meses. O motivo é que o governo federal planeja autorizar um aumento extraordinário no valor dos benefícios até o fim de 2022.

Leia mais: Renda extra na aposentadoria: investimentos devem entrar no planejamento

Atualmente, mais de 18 milhões de famílias de baixa renda são atendidas pelo Auxílio Brasil, que é o substituto do Bolsa Família. Já o vale-gás chega a cerca de 5,5 milhões de brasileiros.

A proposta apresentada prevê o aumento do tíquete mínimo do auxílio de R$ 400 para R$ 600, e do vale de R$ 53 para R$ 120. Desta forma, quem recebe as duas ajudas poderá sacar R$ 720 a cada dois meses no próximo semestre.

Vale destacar que o vale-gás é pago bimestralmente, enquanto o Auxílio Brasil tem repasses mensais. Além disso, o valor do segundo é fixo, enquanto o do primeiro é calculado com base no preço médio nacional do botijão de gás, conforme dados da Agência Nacional de Petróleo (ANP).



Quem pode receber?

Se a proposta for aprovada e o aumento de fato ocorrer, todos os beneficiários de ambos os programas serão contemplados com a nova quantia. Vale lembrar que não está prevista nenhuma mudança nas regras atuais para receber.

Para participar do Auxílio Brasil, a família precisa ter cadastro ativo no CadÚnico, além de comprovar renda mensal per capita de até R$ 210. No caso do vale-gás, são aceitas famílias com renda de até meio salário mínimo (R$ 606) por pessoa, e também aquelas com ao menos um membro que recebe o BPC.




Voltar ao topo

Deixe um comentário