scorecardresearch ghost pixel

Vale a pena sacar FGTS emergencial de R$ 1.045 ou é melhor devolver? Entenda!

Prazo para movimentar o recurso no aplicativo Caixa Tem é até a próxima segunda, 30. Se isso não ocorrer, o dinheiro retorna para o fundo com as devidas correções.

A Caixa Econômica Federal criou uma nova modalidade para retirada do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), o saque emergencial de até R$ 1.045. Entretanto, o prazo para sacar o benefício será encerrado nos próximos dias, por isso o trabalhador precisa estar atento.

De acordo com o cronogramao recurso pode ser movimentado no aplicativo Caixa Tem até a próxima segunda-feira, 30. Se isso não ocorrer, o dinheiro retorna para o fundo com as devidas correções. Se após essa data a pessoa desejar fazer o saque, poderá solicitar à Caixa o resgate pelo App FGTS até 31 de dezembro.

Mas afinal, vale a pena sacar o FGTS emergencial de até R$ 1.045? Muitos brasileiros estão preferindo não retirar o dinheiro da conta por causa da rentabilidade do fundo. No entanto, economistas recomendam para quem corre o risco de passar por um momento financeiro mais delicado sacar o benefício. Entenda!

Vale a pena sacar o FGTS de até R$ 1.045?

Analistas econômicos vem orientando que a população que vive com a base do salário mínimo saque o FGTS emergencial. Inclusive aqueles que não precisam do dinheiro no momento, já que o valor pode ser guardado em uma conta poupança que lhe de acesso em momentos de urgência. Isso porque a partir do ano que vem o trabalhador não terá mais acesso ao FGTS de até R$ 1.045.

A exceção é para quem já possui uma reserva de emergência. Nesse caso, é viável manter o dinheiro no fundo por causa do rendimento que ele oferece, que pode ser pelo menos 50% maior que o de outras aplicações seguras. Com a Taxa Selic está em 2% ao ano, menor patamar da história, o FGTS se tornou um dos melhores investimentos.

A poupança, por exemplo, rende 0,70% da taxa Selic mais a Taxa Referencial (TR), hoje em 0%. Já o fundo tem rendimento de 3% ao ano mais a Taxa Referencial (TR). Além disso, com a distribuir do lucro do FGTS, a rentabilidade anual será de 4,9%. Ou seja, maior do que a inflação, dólar e poupança.

Leia também: Projeto prevê nova opção de saque do FGTS no pós pandemia; Veja como funciona


Veja mais sobre

Voltar ao topo

Deixe um comentário