scorecardresearch ghost pixel



WhatsApp testa função muito aguardada por quem gosta de privacidade

Novidade foi encontrada na versão de testes do aplicativo de mensagens e deve agradar muitos donos de contas.



O WhatsApp está testando um recurso que promete agradar os usuários que querem ter mais controle sobre suas próprias informações. Com a nova funcionalidade, será possível ocultar o status “Visto por último” de alguns contatos específicos.

Leia mais: Conheça 3 opções de empréstimo da Caixa melhores que o Crédito Caixa Tem

Até então, é possível autorizar a visualização para todos, para ninguém ou somente para seus contatos. A função vai possibilitar uma seleção mais criteriosa de quem não poderá saber que você viu a mensagem recebida.



A novidade foi encontrada pelo site especializado WABetaInfo na versão beta do aplicativo para Android. Ela é utilizada por usuários que testam novos recursos antes que sejam disponibilizados para o público geral.

A função está disponível no menu de configurações e aparece como “Meus contatos, exceto…”. Atualmente já é possível fazer essa seleção mais detalhada sobre quem pode ver seu status.

Vale destacar que a novidade do WhatsApp deve funcionar como uma via de mão dupla. Ou seja, o usuário também não poderá ver as atividades daqueles contatos de quem ele bloqueou as informações.



Mais novidades

O aplicativo está liberando gradativamente um recurso que permite seu uso em computadores sem que o celular esteja conectado ao navegador. O usuário poderá conectar uma mesma conta em até quatro computadores diferentes.

“A implantação do recurso de acesso em múltiplos dispositivos continua vagarosamente para mais usuários. Este não é um lançamento oficial, mas uma continuação deste processo iniciado há alguns meses”, explicou o WhatsApp.

Para usar a função multidispositivo, o celular no qual a conta está ligada não precisará nem mesmo estar ligado. “Esta novidade permitirá que aqueles com seus aplicativos devidamente atualizados utilizem a plataforma em até quatro dispositivos vinculados sem exigir que seu telefone seja conectado”, completou.




Veja mais sobre

Voltar ao topo

Deixe um comentário