scorecardresearch ghost pixel



Justiça: Após falha, clientes C6 Bank fazem desvio de R$ 23 milhões

Polícia investiga se o golpe no banco foi resultado de um plano executado por organização criminosa. Serviço usado foi o CDB Crédito.



Clientes do C6 Bank aproveitaram uma falha no sistema do banco digital para desviar um montante de R$ 23 milhões do serviço de CDB Crédito. Cerca de 5 mil correntistas estão sendo investigados pela Polícia Civil de São Paulo. A maioria deles, segundo informações preliminares, mora na Baixa Fluminense, no Rio de Janeiro.

Leia mais: Cartão Nubank: 5 dicas infalíveis para turbinar o limite do roxinho

A notícia da fraude foi divulgada nesta segunda-feira, 2, pela revista Veja. Segundo a matéria, estão sendo consideradas diferentes linhas de apuração. Em uma delas, a polícia investiga se o golpe no banco foi resultado de um plano executado por organização criminosa.

Já o outro cenário analisado desconfia que o problema tenha sido causado por uma falha no sistema da instituição e que a informação do bug acabou sendo compartilhada rapidamente entre os usuários.



 

Desvio de dinheiro C6 Bank

Para desviar dinheiro do banco, os clientes suspeitos utilizaram uma modalidade financeira do C6 Bank conhecida como CDB Crédito.

Na prática, a pessoa passa a ter como limite no cartão de crédito o mesmo valor que ela aplica no Certificado de Depósito Bancário (CDB) – tipo de investimento em renda fixa.

Nesse sentido, caso a pessoa tenha R$ 500 aplicados na modalidade, o cartão dela também possui R$ 500 de limite. O banco digital, por outro lado, autoriza um valor máximo de até R$ 10 mil para ser usado nessa função.

Além disso, como forma de dar segurança à operação, o banco faz o bloqueio de parte do valor investido até o momento em que a fatura do cartão é paga. E foi nesse momento que a falha do banco teve início.

O que aconteceu foi que os correntistas suspeitos de terem desviado dinheiro encontraram uma forma de usar todo o limite do cartão e, ao mesmo tempo, resgatar o valor investido na renda fixa do CDB.



 

Golpe milionário

O roubo de milhões de reais do C6 Bank chamou a atenção das autoridades, sobretudo, porque ele foi praticado por correntistas da instituição e através de smartphones únicos. Além disso, por ter sido registrados desvios em pontos específicos de comunidades fluminenses, a suspeita é de que a ação tenha sido premeditada.

Enquanto dura a investigação da polícia, o C6 Bank solicitou que a Justiça bloqueie a conta de todos os usuários envolvidos nos desvios. Mesmo tendo recebido o dinheiro, essas pessoas estão com uma espécie de débito em aberto junto ao banco.




Voltar ao topo

Deixe um comentário