scorecardresearch ghost pixel



Negativados podem fazer negociação de dívidas na Serasa

Os negativados podem buscar a negociação de dívidas com a Serasa. Os descontos são exclusivos do programa. Confira a lista de empresas parceiras e não deixe de participar.



Mais de 60% das dívidas dos brasileiros estão disponíveis para negociação por meio da plataforma do Serasa. São bancos, financeiras, empresas de recuperação de crédito e várias outras parceiras ali. As ofertas são exclusivas! A negociação chega a 90% de desconto em condições especiais. Veja como funciona para os negativados.

Leia mais: Sem burocracia: 5 cartões de crédito que não consultam SPC e Serasa

A negociação de dívidas é confiável e segura. Quem está negativado consegue eliminar a pendência rumo ao nome limpo de novo em poucos minutos. E detalhe: a dívida pode sair do nome em até cinco dias após o pagamento.

Negociação de dívidas Serasa

O serviço se dá por meio do Serasa Limpa Nome. O primeiro passo para a negociação de dívidas pela plataforma do Serasa é mediante uma consulta dos valores. O interessado escolhe a melhor opção e conclui o acordo. Depois de pagar o boleto e sanar as dívidas, a pessoa volta a ter um bom score e mais acesso ao crédito no mercado.



A negociação ocorre de várias formas. Pode ser pelo aplicativo da Serasa, pelo WhatsApp ou também por telefone e até via Correios. A possibilidade de pagar as dívidas com desconto vale para todos os brasileiros que estão negativados, mas isso é desde que a empresa esteja na lista de parceiras da Serasa.

Hoje há pelo menos 62 milhões de pessoas estão com o nome sujo no Brasil.

O serviço é gratuito e 100% digital.

Todas as informações, assim como a lista de empresas parceiras, estão disponíveis no site deles.

Outra vantagem é a oportunidade de simulação da negociação antes de fechar um acordo com a empresa, assim a pessoa já tem conhecimento das parcelas e quanto da renda ficará comprometida com o pagamento da dívida.

Entre as empresas parceiras da Serasa estão instituições como Bradesco; Claro; Sky; Santander, Vivo; Renner; Avon; O Boticário; Novo Mundo e várias outras.

A lista completa está disponível no site oficial, assim como as condições de pagamento.




Veja mais sobre

Voltar ao topo

Deixe um comentário