scorecardresearch ghost pixel



Orçamento do Auxílio Brasil até maio superou o Bolsa Família de 2021

O orçamento do Auxílio Brasil já superou todo o gasto com o Bolsa Família ao longo de todo o ano de 2021. Veja a renda média das famílias garantida pelo programa.



De janeiro a maio desse ano, estima-se que o governo federal já gastou mais de R$ 36,5 bilhões do orçamento do programa Auxílio Brasil. O valor supera completamente os números usados no Bolsa Família do ano passado. Todas as informações são dados retirados da Secretaria Nacional de Renda e Cidadania (Senart).

Leia mais: Liberadas 56 mil vagas no Auxílio Brasil; Veja se você foi contemplado

Até esse momento o Auxílio Brasil já pagou cinco parcelas aos beneficiados nos primeiros meses de 2022. O valor em questão é maior do que o orçamento do Bolsa Família para todo o ano de 2021. Chamo atenção para o fato de que estamos falando de R$ 35,4 bilhões, segundo a Lei Orçamentária Anual (LOA).



Orçamento do Auxílio Brasil

Ainda de acordo com os dados do Ministério da Cidadania, o valor repassado pelo governo subiu 161% em relação ao mesmo período em 2021. Na época, o valor era de R$ 14 bilhões, mas já passa de R$ 36,5 bilhões agora.

O Auxílio Brasil começou a ser pago em novembro do ano passado. Atualmente mais de 18 milhões de brasileiros são atendidos pelo programa que repassa o valor mínimo de R$ 400 por família beneficiada.

No último mês de programa, em outubro do ano passado, o Bolsa Família atendia 14,6 milhões de pessoas, contudo o o valor médio do benefício era de R$ 191,37.

A região com o maior número de beneficiários é o Nordeste brasileiro, que conta com 8,5 milhões de famílias sendo atendidas, em seguida vem o Sudeste, com 5,2 milhões.



O Centro-Oeste é a região que tem menos pessoas recebendo o auxílio do programa, sendo apenas 937 mil famílias com o Cadastro Único (CadÚnico) ativo, o que garante o acesso ao Auxílio Brasil.

Esse benefício é voltado para as famílias que vivem em em situação de pobreza e de extrema pobreza em todo o Brasil. O programa garante uma renda básica e conta também com iniciativas para incentivar a autonomia das famílias para que elas deixem de depender dos auxílios do governo.

Segundo alguns dados divulgados pelo Ministério da Cidadania, só no mês de março o investimento no Auxílio Brasil superou os R$ 7,3 bilhões.




Voltar ao topo

Deixe um comentário