Poupança para os filhos vale a pena? Saiba como funciona o rendimento

Será que vale a pena fazer poupança para os filhos? A poupança é de baixo risco e a conta pode ser facilmente movimentada sem segredos. Saiba qual é o rendimento dela por mês.

Fazer poupança para os filhos é uma forma de garantir que não fiquem sem suporte financeiro para necessidades futuras. Gastos com a faculdade, cursos de idiomas, intercâmbios e a compra do carro próprio, por exemplo, são alguns dos benefícios de uma poupança planejada com o objetivo de dar uma forcinha nos sonhos da vida adulta.

O investimento na poupança é de baixo risco e a conta pode ser facilmente movimentada. Não há muito segredo para lidar e mexer com o dinheiro guardado nela.

Apesar do rendimento da poupança ser lucrativo com o passar do tempo, não é um dos melhores investimentos. Isso porque, devido à inflação, os rendimentos podem oscilar, dependendo da taxa básica de juros (Selic) e da Taxa Referencial (TR).

Quanto a poupança rende por mês?

Atualmente, a poupança rende cerca de 0,37% ao mês e 4,55% ao ano. Como a TR tem operado na alíquota zero não tem acrescentado à rentabilidade da poupança.

Como escolher o melhor banco?

Quem está em dúvida de qual banco escolher para fazer a poupança do seu filho, saiba que o rendimento da poupança é o mesmo em todos os bancos, isso porque a taxa de rendimento é pré-estabelecida pelo governo federal.

Pensando assim, fazer poupança para filhos na Caixa, no Santander ou no Itaú, por exemplo, não faz diferença. O que influencia no lucro mais rápido do dinheiro não é um banco ou outro, mas a taxa Selic.

Como a taxa Selic influencia no rendimento da poupança?

Desde 2012, o rendimento da poupança passou por alterações realizadas pelo governo federal, de forma que todos os depósitos feitos a partir daquele ano seguem as regras seguintes:

  1. Quando a taxa básica dos juros (Selic) estiver abaixo de 8,5% ao ano, a poupança rende 70% do valor da Selic, mais a Taxa Referencial (TR).
  2. No entanto, quando a Selic passar de 8,5% ao ano, o rendimento da poupança será de 0,5% ao mês, mais a TR.

Como já mencionado, a poupança rende 0,37% ao mês e 4,55% anualmente.

Como funciona o aniversário da poupança?

Os lucros do rendimento acontecem apenas uma vez por mês na data de depósito da poupança, o chamado “aniversário”. Como isso funciona?

É assim: a data em que você aplicou o dinheiro para o seu filho é marcada como aniversário daquele depósito. Esse valor investido recebe juros na mesma data no outro mês. Por exemplo, se você aplicou R$ 100,00 no dia 10 do mês de junho, no dia 10 de julho o valor terá rendido 0,37%.

Assim, se quiser que a poupança do seu filho tenha lucro, não resgate o dinheiro antes da data de aniversário. Quando mais tempo o dinheiro que você está guardando ficar parado na poupança, mais ele rende, e quanto mais dinheiro for aplicado maior é o lucro.

Poupança para os filhos vale a pena?

Isso depende do seu perfil como consumidor, como investidor e da sua intenção. Como informado no texto, o rendimento da poupança é bem pequeno por mês, por isso quanto mais cedo você começar a poupar para o seu filho, melhor.

Caso queira se aventurar e descobrir investimentos mais lucrativos, há opções de mistos e Certificado de Depósito Bancário (CDB), investimentos em títulos do tesouro, que entregam melhores rendimentos e também garantem segurança para o dinheiro investido e para o futuro do seu filho.

Veja também: Conta digital é conta corrente ou conta poupança? Entenda como funciona

Veja mais sobre

Voltar ao topo

Deixe um comentário